Cartier-Bresson: o olhar do século

Terminei hoje o livro de Pierre Assouline (L&PM Editora): Cartier-Bresson- o olhar do século. Bem interessante para quem quiser entender as influências do grande HCB, as várias desistências da fotografia, a paixão pela pintura e, principalmente, a Agência Magnum.

A reportagem é uma operação progressiva da mente, do olho e do coração para expressar um problema, fixar um acontecimento ou impressões (…). A fotografia é para mim o reconhecimento simultâneo, numa fração de segundo, por um lado do significado de um fato, e por outro, de uma organização rigorosa das formas percebidas visualmente que expressam esse fato… Um tema não consiste em uma coleção de fatos, pois os fatos em si não têm interesse algum. O importante é escolher entre eles; captar o fato verdadeiro em relação à realidade mais profunda. Em fotografia, a menor coisa pode ser um grande tema, e o pequeno detalhe humano pode se tornar um leitmotiv.. (Bresson)

Tags , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *