Haddad criticou Habermas

Matéria da Folha de São Paulo de hoje:

Eu gosto de Habermas. Um defensor da modernidade, criou uma teoria da razão que uniu a teoria e a prática, justificativa e explicativa. Habermas parte do pressuposto que todo o conhecimento é induzido ou dirigido por interesses. Pensa  ao contrário de Karl Marx e não  reduz o conhecimento à esfera da produção, onde seria convertido em ideologia. Nem reduz os conflitos de interesses à luta de classes. A sua noção de interesse é muito ampla. Os interesses surgem de problemas que a humanidade enfrenta e a que tem que dar resposta.  Enfim, eu gosto de Habermas e não gosto do twitter do Haddad. Mas isso é para outro post.

Tags , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *